ABA e habilidades Sociais e Acadêmicas

Quando falamos do Transtorno do Espectro Autista, TEA, estamos falando de vários déficits e excessos comportamentais que afetam a forma como os indivíduos interagem consigo mesmo e com as outras pessoas. Tais déficits e excessos podem ser divididos em três grandes grupos de habilidades: autocuidado – autonomia, sociais e acadêmicas.

Nós já conversamos um pouco sobre as habilidades de autocuidado e autonomia. Elas envolvem basicamente qualquer comportamento que aumente o grau de independência e cuidados pessoais, por exemplo, escovar os dentes, escolher e trocar de roupas etc.

Já as habilidades sociais são aquelas que permitem a interação adequada com outras pessoas nos mais diversos contextos. Por exemplo, permanecer em sala de aula, passear em um shopping, andar de carro com outras pessoas. Calma, ao longo dos vídeos nós vamos discutir com calma a noção de habilidades sociais e também vamos falar sobre exemplos e formas de ensino. Mas para ilustrar, pegando o primeiro exemplo, o permanecer em sala de aula de maneira adequada ou produtiva, é um comportamento complexo que pode ser decomposto em vários comportamentos menores.

Cada pequeno comportamento, ou elemento, pode ser ensinado separadamente para depois ser encadeado em um comportamento complexo. Se pensarmos rapidamente em seus componentes, podemos pensar em: identificar a sala e ir até lá; seguir as instruções da professora ao longo das atividades; e interagir de forma adequada com os demais colegas. Cada um dos elementos pode ser ensinado separadamente e com diferentes níveis de ajuda.

Se você conhece alguém com TEA, provavelmente você pode pensar em outros exemplos de comportamentos sociais que são fundamentais para a interação adequada com outras pessoas, e, provavelmente, você também consegue identificar habilidades que precisam de um ensino mais ou menos intensivo, certo? Agora vocês têm uma ideia do que são habilidades de autocuidado e autonomia, e habilidades sociais. Mas ainda falta falar um pouco sobre habilidades acadêmicas.

Esse conjunto de habilidades envolve qualquer comportamento que possibilite a interação da pessoa com TEA em um ambiente simbólico. Você pode estar pensando, “opa, pera aí, começou a complicar”, mas não se preocupe, se pensarmos um pouco nas nossas vidas, vamos perceber que muito do que fazemos envolve comportamentos simbólicos, por exemplo, assistir ao vídeo, agora mesmo, e entende-lo!

Assista nosso vídeo:

Você pode nem estar percebendo, mas quando assiste esse vídeo, você está recebendo uma série de sons e imagens que são interpretadas, de acordo com a sua história de vida, para formar informações que vão te guiar em situações futuras. Tudo isso envolve um punhado de habilidades acadêmicas, ou respostas a um contexto simbólico. Tudo bem, nós sabemos que pode ficar um pouco complicado entender essa parte e por isso vamos abordar com calma e de forma intuitiva quais são as características das habilidades acadêmicas. Para fechar com um exemplo, nós gostamos muito de ensinar os nossos alunos, logo no começo da intervenção, a responder verbalmente qual o seu nome, o nome de seus pais, e o endereço onde eles moram. Essas são respostas verbais – a um contexto simbólico (linguagem) que podem livrá-los de perigos se eles se perderem em locais públicos.

Gostou do conteúdo? Então eu tenho uma surpresa para você. Inscreva na nossa aula online e gratuita em que eu vou dar dicas de para pais, professores e profissionais sobre Autismo e ABA. Será no dia 20 de julho às 20:30, horário de Brasília.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *