O que pode causar a dificuldade de leitura?

Sua criança demonstra ter alguma dificuldade de leitura? Qual é a intensidade que essa situação se manifesta? Com que idade ela começou a mostrar isso? É importante que tais observações sejam feitas a fim de identificar o que causa a dificuldade de leitura. Por falar nisso, os pais devem tentar traçar essas características para levar aos profissionais responsáveis pela abordagem que pode auxiliar na melhora desse quadro.

Prováveis causas da dificuldade da leitura

Os motivos que levam o pequeno a encontrar essas barreiras na hora de ler podem ser variados e indicar desde um problema no processo de alfabetização a um distúrbio de aprendizagem. No entanto, essa análise deve se virar para o hábito dos próprios pais dentro de casa. Enfim, abordaremos sobre tais tópicos a seguir para mostrar como a dificuldade de leitura pode ser influenciada por determinados aspectos.

Problemas na alfabetização

É interessante que pais e professores observem como se deu o processo de alfabetização da criança. Durante esta etapa, é preciso que se analise a condição do pequeno. Por acaso o aluno tem boa audição? Boa visão? Pode parecer impossível, mas esses pontos interferem consideravelmente na aquisição de alfabetização, letramento e na prática da competência da leitura.

Além disso, quando o estudante tem esses aspectos bem definidos, ele consegue obter a chamada consciência fonológica, o que permite executar não só a identificação das letras e das sílabas, mas o reconhecimento dos sons. Lembrando que não adianta a criança saber somente as letras se ela não tiver o conhecimento necessário acerca da consciência fonológica na alfabetização.

O acompanhamento com psicopedagogos é essencial para proporcionar ao pequeno as condições para a aplicação de intervenções que atendam às necessidades do aluno.

Distúrbio de aprendizagem como causa da dificuldade de leitura

Vocês provavelmente já ouviram falar em Dislexia, correto? Saibam que este transtorno é responsável por impactar o processo de aprendizagem da criança. A dificuldade de leitura é uma das características identificadas nesse quadro. Além disso, a decodificação e o reconhecimento das palavras (citadas acima) também demonstram ser deficitárias nesse distúrbio.

A forma de propiciar a melhora de tal quadro é com o auxílio de especialistas na área da educação e o apoio da família. Existem alternativas que são excelentes para ajudar o pequeno e que podem ser dadas em sala de aula.

Importante salientar que o tratamento para esses casos deve ser algo levado como um trabalho contínuo e que exige paciência, pois ele não é imediato, mas gradativo. Um processo onde cada etapa precisa ser observada. Vale lembrar que mesmo que ainda hoje não exista uma cura para o transtorno, as intervenções adotadas por profissionais são excelentes para o desenvolvimento das crianças frente aos desafios dos sintomas da dislexia, como a dificuldade de leitura.

Hábitos domésticos podem influenciar

É verdade que todos nós tendemos a ser influenciados pelo que vemos e vivenciamos. O hábito de ler é um deles. Será que vocês, pais e mães, são bons leitores? Qual é sua frequência de leitura? A criança passa quanto tempo em frente à TV ou ao tablet (jogando ou assistindo a vídeos)? Enfim, há uma série de fatores que podem falar muito sobre a provável dificuldade de leitura, pois se o pequeno não é estimulado suficientemente a este hábito, ele dificilmente vai se interessar.

No entanto, é importante que a criança também leia algo que vá despertar interesse nela. Os clássicos da literatura são indispensáveis na vida de todos nós, mas vocês devem apresentar aos pequenos um conteúdo que acompanhe o desenvolvimento deles. Tudo tem seu tempo, inclusive na leitura. Portanto, livros infanto-juvenis são os mais indicados. Já reviram seus hábitos?

 

Dr Clay Brites

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *